O estúdio americano Elizabeth Herrmann Architecture + Design criou a microHouse, uma residência de cor clara com cantos recortados e teto inclinado, com o objetivo de demonstrar que uma casa pequena não precisa ser uma caixa claustrofóbica e monótona.

Localizado perto das Montanhas Verdes, Vermont,  a microHOUSE foi encomendado por um artista que queria uma casa bonita, pequena e eficiente em termos energéticos.

A casa tem cantos recortados e teto inclinado para baixo. A estrutura é envolta em tapume de cedro cinza claro com uma porta amarela brilhante adicionando um toque de cor.

A casa é uma espécie de metamorfo, os cantos subtraídos em extremidades opostas criam uma sensação lúdica de movimento e interação com as pessoas e a paisagem.

Com apenas 40 metros quadrados, a casa tem um mezanino, um banheiro com banheira, uma cozinha, uma mesa para refeições e trabalho, armários de armazenamento e uma área de convívio que funciona como dormitórios de hóspedes.

A residência pode ser comparada com um barco, já que a casa tem um lugar designado para cada coisa a fim de maximizar o espaço e manter o interior organizado

Para evitar que a casa ficasse muito apertada, o arquiteto criou um porão para armazenamento adicional, máquinas de lavar roupa e equipamentos mecânicos. Uma porta de escotilha que leva ao nível inferior é camuflada para se misturar ao piso de madeira da casa.

O arquiteto teve como objetivo criar espaços individuais dentro de uma casa pequena bem como momentos de transição.

Embora a casa tenha sido construída em um plano aberto cada uma das diferentes áreas de uso tem definição e senso de lugar, sem ser estática ou confinante.

Era importante que a casa, apesar de seu tamanho, contivesse aqueles espaços transitórios importantes que dão a sensação de privacidade.

Vistas emolduradas definem ainda mais os espaços interiores, dando a cada sala um foco distinto. Janelas operáveis trazem ar fresco para a residência.

Cores claras e uma paleta de materiais retidos foram empregadas para criar uma atmosfera fluida e espaçosa.

As janelas são emolduradas com madeira, enquanto as bancadas e o parapeito da banheira são feitos de concreto branco. Contraplacado de bétula com bordas expressas foi usado para fabricar armários e um sofá embutido.

Essa casa é a expressão lógica das necessidades, conteúdo, função, configuração e pontos de vista de seus ocupantes – demonstrando que uma pequena casa não precisa ser uma caixa claustrofóbica e monótona.

Gostaram da microHouse? Então deixe um comentário e nos conte se você já fez um projeto de casa pequena.

Model Home

Não conhece o Model Home ainda? O Model Home é uma plataforma gratuita específica para os segmentos de arquitetura, engenharia, design de interiores e decoração, que tem como objetivo aproximar fornecedores e clientes. Através do Model Home, os profissionais podem expor gratuitamente seus trabalhos para milhares de pessoas que buscam por profissionais, inspiração e ideias para projetos de suas casas ou apartamentos. Cadastre-se já!