A arquitetura, como todos sabem, é uma área que esta em constate mudanças. Pensando nisso, hoje vamos apresentar para vocês os destaques da Coverings 2018.

A primeira coisa que você percebe sobre a Coverings, que indiscutivelmente é a principal feira do mundo para apresentar produtos de azulejos contemporâneos, é o seu tamanho.

Enquanto cada marca exibe seu estilo próprio, as quatro tendências seguintes eram particularmente notáveis ​​no pavilhão: texturas ricas e naturais; formato grande, azulejos super finos; cores de alto contraste e tons quentes; e acabamentos metálicos. Aqui, damos uma olhada em cada tendência e destacamos algumas das marcas que estão liderando o caminho este ano.

Texturas Naturais

Os fabricantes de revestimentos há muito vêm trabalhando em técnicas para produzir acabamentos texturizados que imitam matérias-primas como metal e madeira, mas muitas marcas levaram essa arte a novos patamares no Coverings 2018.

Entre os destaques nessa categoria está a série de azulejos “Oxidart”, da Ceramica Sant’Agostino , que imita a aparência do aço desgastado de maneira impressionante. Oferecido em prata, ferro, cobre e variações pretas, a imensa profundidade e textura destes azulejos os torna uma obrigação para qualquer arquiteto apaixonado por aço corten.

A Ceramica Sant’Agostino também apresentou um extraordinário azulejo de efeito de madeira que replica a aparência do carvalho polido com tanta precisão que se mostrou desafiador distinguir os dois materiais na exposição.

Outra renomada marca italiana – Cooperativa Ceramica D’Imola – trouxe generosas opções de uma coleção de acabamentos metálicos suave.

Em contraste, Florim – o vencedor do “Best in Show” no Coverings – combinou o visual clássico de madeira rústica com um acabamento em brilho com sua nova coleção Cerim.

Grandes, placas super finas

Processos de fabricação modernos agora permitem que as placas de revestimento sejam criadas em uma escala sem precedentes. Muitas marcas exibiram superfícies contínuas de mármore, pedra e cerâmica do chão ao teto, ideais para lobbies de hotéis sofisticados e aplicações comerciais elegantes.

Embora, surpreendentemente largos e altos, estas placas agora agora tornam-se incrivelmente finas, mantendo o seu peso ao mínimo para facilitar a instalação em fachadas, paredes internas e no chão.

A Vermont Quarries apresentou algumas de suas placas mais marcantes de mármore Danby, sua qualidade “Classe A” premium a torna adequada para uma ampla variedade de aplicações, incluindo aplicações internas, externas, residenciais e comerciais. Variações sutis de matiz estão disponíveis, incluindo Appalachian Green , Danby Gray , Verde Cavendish e Olympian White .

Outro stand de destaque nesta categoria pertenceu à fabricante espanhola Inalco , que exibiu seus acabamentos naturais com elegante revestimento de azulejo obeliscos. Os revestimentos cerâmicos da Inalco – incluindo os acabamentos Pacific, Azalai e Jasper – são produzidos com dimensões impressionantes de até 3 metros por 1 metro.

Da mesma forma, a Tau Ceramica exibiu uma série de azulejos enormes adequadas para uso comercial. Também demonstrou seu inovador ladrilho Asala – uma placa de indução que permite que os usuários preparem, cozinhem e comam suas refeições a partir de uma única superfície.

Finalmente, a espectacular série Wonderwall da Cotto d’Este demonstrou o potencial da impressão personalizada para azulejos grandes. Impresso em uma série de painéis Kerlite, cada um com gráficos de alta resolução, incluindo texto, estampas florais e até imagens figurativas. Medindo apenas 3,5 mm de espessura e reforçada com malha de fibra de vidro, Wonderwall demonstra que os azulejos de parede internas podem funcionar como obras de arte genuínas.

Cores de alto contraste e tons quentes

Pontuando o creme natural e tons de cinza das placas de formato maior, as combinações de cores ousadas se destacaram entre as ofertas de azulejos de menor escala. Várias marcas exibiram combinações contemporâneas tradicionais de azulejos preto e branco, enquanto os tons rosa quente, amarelo e verde-azulado adicionaram um brilho de cor aos procedimentos.

A American Wonder Porcelain introduziu cores e contrastes geométricos mais tradicionais, sendo que sua coleção de azulejos DECO foi feita em cores primárias em preto e branco.

Enquanto isso, a Marca Corona apresentou blocos maiores de cor sólida com sua série BOLD , azulejos fosco disponível em branco, verde sálvia, vermelho marsala e amarelo mostarda.

A linha BOLD combina essas cores contemporâneas com superfícies suaves, aprimoradas por esmaltes acetinados com um toque aveludado, reflexos suaves e um brilho atraente. A escolha de duas estruturas de relevo em 3D em formato de tiras finas e pequenos círculos, respectivamente, destaca a originalidade ousada da coleção e maximiza seu potencial criativo.

A inovadora fabricante norte-americana Island Stone apresentou uma série inovadora de azulejos de vidro em cores aquáticas cintilantes. Spindrift é um mosaico em forma de seixo de vidro verde-azulado, Ripple é definido por linhas sinuosas e fluidas de azulejo azul-bebê, enquanto Arrowhead é feito de azul-céu sutil e triângulos de vidro transparente e losangos.

Finalmente, a especialista em azulejos decorativos Ornamenta levou para casa o Open Concept Award da Coverings com sua gama de combinações lúdicas, incluindo o Gone , um projeto em azulejo preto e branco de alto contraste que foi combinado com uma argamassa azul viva da MAPEI para o show.

Acabamentos Metálicos

Menos comuns que as cores, mas não menos atraentes foram os acabamentos metálicos, variando de tons dourados sutis a superfícies brilhantes e altamente reflexivas. Processos de fabricação incomuns foram implementados para obter acabamentos que adicionam um brilho entre os tons neutros durante a maior parte do show.

A fabricante espanhola de azulejos de vidro Onix, sem dúvida, conquistou o prêmio pelo maior destaque da exposição, exibindo uma rica coleção de telhas de ouro de 24 quilates. Projetado para a hospitalidade de alto nível, a coleção RIF emprega esse metal precioso com diferentes graus de intensidade, variando de padrões intricados e cintilantes a planos em ouro maciço.

Contrastando deliberadamente com os azulejos de grande formato da Coverings deste ano, a Colorker partiu para provar que as peças convencionais de 20 x 10 cm podem ser reinventadas para um mercado moderno.

Sua coleção ARTS é mergulhada em tinta metálica, semelhante à maneira pela qual as peças de automóveis são finalizadas, produzindo um acabamento altamente refletivo em ouro, prata e bronze.

Talvez o efeito metálico mais atraente, no entanto, tenha sido o apresentado pela Taniguchi Seitosho Ltda. O revestimento incomum da fabricante japonêsa VITCELLA , parte da série Komino,  possui uma qualidade perolada, sua pequena forma curvilínea em 3D, imprimindo um efeito visual diferente da maioria dos azulejos de parede internas.

Muitas outras marcas exibiram produtos seguindo essas tendências, enquanto outras simplesmente melhoraram as opções convencionais – painéis maiores, mais finos, mais leves, mais opções referentes a tons e marmorização e outras combinações de cores para diferentes aplicações.

Visto como um todo, o Coverings 2018 constituiu uma celebração vibrante de azulejos decorativos desenvolvidos usando tecnologia de ponta e processos de fabricação avançados. Se os vastos salões de exposição de Atlanta forem suficientes, aplicações audaciosas de azulejos devem se tornar cada vez mais comuns entre os projetos de arquitetura nos próximos anos.

Vocês gostaram das novidades desse ano? Deixe a resposta nos comentários.

Model Home

Não conhece o Model Home ainda? O Model Home é uma plataforma gratuita específica para os segmentos de arquitetura, engenharia, design de interiores e decoração, que tem como objetivo aproximar fornecedores e clientes. Através do Model Home, os profissionais podem expor gratuitamente seus trabalhos para milhares de pessoas que buscam por profissionais, inspiração e ideias para projetos de suas casas ou apartamentos. Cadastre-se já!