Quando bem feitos, lofts tornam-se lugares onde toda pessoa gostaria de morar. Dêem uma olhada nesses 10 exemplos de lofts.

1 – Desenhado pela Ofist em Istambul, na Turquia, o Karakoy Loft pertence a um homem, solteiro, de 40 anos, que desejava um espaço confortável com foco em materiais naturais e neutros. As tábuas de madeira horizontais vão do chão até o teto inclinado. Com uma decoração industrial, esse loft oferece uma sensação aconchegante.

2 – A antiga Saint Martins School of Art tornou-se a  Saint Martins Lofts após passar por uma reforma liderada pelo 19 Greek Street. O espaço apresenta tetos altos e superfícies brancas para manter o espaço claro e luminoso. Moveis elétricos dão uma sensação moderna e contemporânea ao ambiente.

3 – Este loft projetado pelo designer de interiores Kelly Hoppen, apresenta teto alto e inclinado com vigas de madeira. Uma escada de metal curva e uma cadeira suspensa dão um toque de ousadia nesse grande espaço aberto.

4 – Este loft no Brooklyn, projetado pelo SABO project, teve o teto e as paredes removidos para a obtenção de um espaço mais aberto. Níveis de mezanino foram criados e agora a casa tem armazenamento adicional como um closet e armários personalizados.

5 – A Sadie Snelson Architects está por trás da conversão deste armazém onde madeira e concreto são os materiais predominantes. Um mezanino acima da cozinha fornece metragem adicional, ajudando a quebrar um pouco do grandeza do espaço.

6 – Artigos para casa da marca Hunting for George e Grazia & Co foram usados para dar estilo a este lindo loft atemporal e cheio de luz.

7 – O artista brasileiro Hussein Jarouche, contratou Ana Strumpf para projetar seu loft Chelsea. Ele queria se sentir em casa, apesar de estar lá apenas quatro vezes por ano. O loft é preenchido com uma mistura de arte e objetos de design para dar diversão e uma vibração peculiar.

8 – Kelly Behun possui uma maneira de criar espaços onde seu glamour costuma ser subestimado. É o caso desta cobertura em Nova Iorque. Em vez de um espaço todo branco que pareça frio e estéril, ela criou um espaço acolhedor com camadas de texturas ricas e com vista moldadas da cidade.

9 – O estúdio belga Graux & Baeyens Architecten renovou uma fábrica e a transformou neste loft cheio de paredes curvas e tons de madeira clara com teto alto e janelas grandes para manter o interior brilhante.

10 – O Design42 Arquitecture reformou este loft no centro de Nova York para maximizar seu espaço modesto. Como a metragem quadrada é limitada, eles construíram um segundo andar para adicionar áreas de estar e muitas opções de armazenamento extra.

Qual loft vocês gostaram mais? Deixe seu comentário.

Não conhece o Model Home ainda? O Model Home é uma plataforma gratuita específica para os segmentos de arquitetura, engenharia, design de interiores e decoração, que tem como objetivo aproximar fornecedores e clientes. Através do Model Home, os profissionais podem expor gratuitamente seus trabalhos para milhares de pessoas que buscam por profissionais, inspiração e ideias para projetos de suas casas ou apartamentos. Cadastre-se já!